Pular para o conteúdo principal

A não decepção


O desafio é muito grande, toda uma nação depende de você, de sua conduta, de sua capacidade .Olhando para a multidão, são milhares de pessoas com os olhos fitos em você. O que fazer? Como enfrentar a situação? E se falhar? E se não der certo? E se seu planejamento for desastroso?
A responsabilidade é monumental. É uma luta de vida ou morte contra um inimigo extremamente forte, que todos recusaram enfrentar. Você é Davi, um jovem, desconhecido e improvisado soldado. O inimigo é  experiente, forte e muito alto, seu  nome: Golias.  
A nação de Israel está ansiosa, você é última e única opção que eles têm.
Davi, o que você fará? Qual será sua estratégia?

O medo de assumir grandes responsabilidades é um grande obstáculo para nosso desenvolvimento pessoal.
Algumas pessoas entram em pânico diante da responsabilidade.
A exposição negativa que uma derrota pode trazer, faz com  que muitos recuem em momentos decisivos. Saber que há muita gente confiando em nós, esperando um bom desempenho, uma boa desenvoltura, sucesso. Isso tudo balança o emocional.
O Golias muitas vezes é uma prova de vestibular. A família toda espera confiante que você vá bem.
Outras vezes é um problema no serviço, o chefe  apela  para o funcionário  em que ele confia.Você.
A família conta com o pai para ser um bom administrador das finanças.
O jovem que vem pedir conselho com o pastor, esperando um conselho que oriente sua difícil situação.
......E se.......
E se você falhar?Se não der certo?
Quais são suas armas? Quais suas estratégias?
Não quero decepcionar quem confia em mim.
Confie em Deus.
Davi tinha uma estratégia , ele confiou em Deus e não teve medo de decepcionar o povo.
Quando suas lutas forem as mesmas lutas do Senhor , você tem convicção de andar no caminho correto, vai juntar as pedras certas, vai utilizar a força certa, vai mirar com perfeição e vai atingir a fronte do gigante.
Davi não decepcionou quem confiava nele,pois ele mesmo não esperava de si mesmo nada.Ele esperava no Senhor Jeová o Santo de Israel.
A luta não era dele.Era de Deus. O Senhor pelejava por Israel. Hoje Cristo peleja pela Igreja.


Você que faz parte do povo de Deus, use a estratégia de Davi.

Comentários

  1. É um blog encantador encontrei o seu blog enquanto navegava pela net, não li muito, mas gostei do que vi e li,espero voltar mais algumas vezes,deu para ver a sua dedicação e claro sempre aprendemos ao ler blogs como o seu.
    Se me der a honra de visitar e ler algumas coisas no Peregrino e servo ficarei radiante, e se desejar deixe um comentário.
    Abraço fraterno.António.
    Peregrino E Servo.

    ResponderExcluir
  2. Muito, bom seu blog. Graça é paz. Amigo.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Total de visualizações