Pular para o conteúdo principal

Um presente Inusitado. Salmo 119.111

Os teus mandamentos são a minha herança permanente; são a alegria do meu coração.  Salmos 119:111


Há nestes versos um fluxo importante. Parte de Deus para o homem. Doador e recebedor. Um Pai repartindo, outorgando sua  herança a  um filho. Flui do alto para as regiões inferiores, à terra.
Qual a herança que o Pai celeste deu ao seu filho?
Vamos lá, partindo de Deus, olha só o que o salmista recebe:

"Os teus  mandamentos"

Nossa! Realmente temos de pensar com cuidado nisto. Não me parece óbvio que algum filho queira receber como herança ou como presente ordens. Quem de nós recebe ordens como presentes? Ou receber mandamentos? Veja lá, o pai para seu filho:
"Parabéns meu querido, vou te dar de aniversário um conjunto de regrinhas pra seguir, que tal?"
Possivelmente esse filho poderia olhar o pai com uma cara de descontentamento. Não é um presente comum de se receber . 
Na verdade  é um presente totalmente contrário á nossa natureza, pois nós desejamos bens materiais como presentes, ou serviços ou algum benefício direto. Um filho poderia querer, dependendo da idade, um brinquedo, uma roupa, uma carteira de motorista, uma passagem para viajar, um cheque, etc..

Não é isso que o salmista recebe, ele recebe a o conhecimento da Lei divina como herança, como presente de seu amoroso pai.
Deus está dando um presente inusitado, incrivelmente inesperado. Mas qual a reação do salmista diante disso?
Olhe:

"são a minha herança para sempre."

Maravilha de filho hein? Um filho que qualquer pai adoraria ter. Veja, ele promete que esta seria sua herança para sempre. Ele  prometeu valorizar todos os dias a dádiva recebida.
Naturalmente,  nem todos somos filhos tão comprometidos e tão exemplares como este escritor.   Mas  nós também recebemos este presente, e não somente nós, todos os filhos de Deus receberam esta mesma herança, os mandamentos de Deus. E isso é uma prova de amor incontestável,  uma prova infalível de seu amor por nós. Não é sem motivo que o salmista está exultando, ele sabe que são  as diretrizes de Deus para sua vida que trarão sua felicidade. O pai deseja ver o filho feliz e provê para ele caminhos que ele deverá trilhar para alcançar sua felicidade, tanto aqui , como felicidade eterna.
Para finalizar o escritor ainda diz:

"são a alegria do meu coração." 

Sabe, é uma sensação fantástica quando damos um presente  escolhido, preparado, planejado especialmente para uma pessoa super especial e esta pessoa recebe bem este presente. A gratidão é um sentimento muito importante, demonstra que valorizamos o esforço e a dedicação de quem nos deu o presente.
Neste caso o salmista, profundamente alegre, demonstra-se grato por que Deus o proveu de leis sábias e prudentes que, se obedecidas, tornariam sua a vida muito mais agradável e  feliz.

Nós devemos aprender com o salmista e exultarmos por fazer parte dos filhos que receberam esta maravilhosa herança, um presente inusitado.







Comentários

Total de visualizações