Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho 12, 2016

A Diligência - Salmo 119. 4

Tu ordenaste os teus mandamentos, para que diligentemente os observássemos. Salmo 119.4

Quando estamos com fome, chegamos em casa e preparamos com rapidez e  presteza uma refeição capaz de saciar-nos . Quando estamos machucados procuramos com zelo e cuidado sarar a ferida, seja com medicamentos, com uma consulta ao médico ou o que mais for necessário. Quando estamos com frio procuramos com grande urgência um agasalho ou abrigo que nos aqueça. Enfim , estes exemplos são suficientes para demonstrar que quando se trata de  uma necessidade do nosso físico usamos de cuidado, rapidez, zelo, presteza, urgência, para satisfazer esta carência física. A palavra diligência resume bem todos estes adjetivos.Ela é uma virtude , uma qualidade de quem realmente sabe o que é importante para si e não negligencia os meios para alcançá-lo.  A questão que nos  surge é: Será que usamos a mesma DILIGÊNCIA  para cumprir a vontade de Deus expressa na Bíblia Sagrada?Será que possuímos esta virtude? Será que temos …

Equidade e Iniquidade - Salmo 119.3

E não praticam iniquidade, mas andam nos seus caminhos. Salmos 119:3
Lendo este verso me interessei por  refletir , acuradamente,  no significado de iniquidade e sua aplicação para  nosso contexto moderno.  O dicionário traz este vocábulo como sinônimo de injustiça, malicia, maldade. Mas na Bíblia ela alcança um sentido um pouco mais delimitado. Os tradutores, quando esta palavra aparecia no Novo Testamento, traduziram a palavra  ανομια (anomia) que significa falta de conformidade com a lei, negação da lei, não aceitação da lei. A palavra que aparece no hebraico, do texto usado neste salmo , é עוון (avon), que traz a ideia de afastamento da vontade divina, erro, maldade. E é exatamente o sentido desta palavra neste texto. A iniquidade é o pecado  específico do rebelde, do que não aceita determinações superiores, aquele que se acha "dono do próprio nariz" , para usar uma linguagem corriqueira. Quem não aceita viver de acordo com a vontade de Deus é iníquo, ou seja, nega a autorid…

Prazer na Lei - Salmo 119.2

Bem-aventurados os que guardam os seus testemunhos, e que o buscam com todo o coração. Salmos 119 . 2



O destaque deste verso é para a felicidade dos que se estribam na Palavra de Deus, para os que temem sua santa Vontade e se preocupam em segui-la. Guardar estes mandamentos é naturalmente o dever de todo homem, é para isso que ele foi criado, para viver em comunhão com seu Criador. O problema é que o homem, desviado deste princípio de obediência, desde a queda de Adão no Éden não sente mais prazer em obedecer a Deus pois o pecado afetou totalmente sua natureza e portanto seu coração.  Lemos o que Paulo escreve na sua carta aos romanos:  “Porquanto a inclinação da carne é inimizade contra Deus, pois não é sujeita à lei de Deus, nem, em verdade, o pode ser” Romanos 8:7  Ninguém sente prazer em satisfazer a vontade de um inimigo nem por conseqüência, obedecer à sua Lei. Ora , se temos inimizade contra Deus é natural que não queiramos obedecer sua lei santa e justa. Mas contra essa mesma inclinaç…

Total de visualizações