Pular para o conteúdo principal

Os três banquetes



Qual o seu prato favorito? O que você gosta de comer?
Se você for convidar alguém para fazer uma refeição na sua casa é bom  que você saiba que tipo de comida agrada seu convidado, do contrário há um grande risco dele ficar insatisfeito.
E se fôssemos convidar Jesus para comer conosco, o que serviríamos para ele?

O capítulo 14 de Lucas  Jesus visita a casa de um dos principais fariseus num sábado (v. 1). O sábado era um dia em que os fariseus mais abastados se esforçavam para dar banquetes a fim de demonstrar poder e a sua fidelidade às próprias tradições que haviam criado. Algumas delas diziam, por exemplo, que aquele que desse 3 banquetes num sábado, deduziria 3 punições no juízo final. Certamente Jesus havia sido convidado pelo fariseu rico para um banquete em sua casa, o que significa o respeito pela sua autoridade espiritual.
O que serviram lá  para Jesus? A Bíblia relata que Jesus comeu pão. Um simples pão.
Mas Cristo não se importou com isso. Jesus estava preocupado com o que iriam servir além disto, além da comida.
Ocorre que diante de Jesus estava um hidrópico (v. 2), um portador de uma doença rara chamada hidropisia, que é o acumulo de líquidos ou serosidade nas células ou em cavidades do corpo, geralmente no abdômen, causado por problemas renais, cardíacos ou circulatórios. Provavelmente, o problema do hidrópico era visível, dada a deformação física que pode acarretar, o que lhe causava profundo constrangimento, sobretudo diante de uma platéia de fariseus. Jesus aproveitou o momento para perguntar-lhes se era lícito curar aquele homem no sábado (v. 3) eles fizeram  silêncio e Jesus   curou o hidrópico e o despediu (v. 4).
O que  faltou aos fariseus servir não foi um prato saboroso ou um vinho de qualidade, faltou a eles servir o amor.
O Mestre demonstrou compaixão pelo ser humano desprezado e doente, coisa que os fariseus não estavam acostumados a servir. Eles eram mesquinhos e egoístas e não pensavam em agradar a Deus de coração, mas cuidavam de cerimoniais e purificações que lhes dariam destaque na sociedade.

 Sirva amor num banquete a Jesus, devemos servir amor em abundância, isto satisfaz nosso Senhor. Este é o primeiro dos três banquetes que os fariseus deveriam servir ao Mestre.



Comentários

  1. Belo texto, simples e objetivo. E que mensagem, falou muito com poucas linhas escritas. Que Deus abençoe.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Blog do Vitor pelo mundo- agora

Total de visualizações