Pular para o conteúdo principal

A Diligência - Salmo 119. 4

Tu ordenaste os teus mandamentos, para que diligentemente os observássemos. Salmo 119.4
  


Quando estamos com fome, chegamos em casa e preparamos com rapidez e  presteza uma refeição capaz de saciar-nos . Quando estamos machucados procuramos com zelo e cuidado sarar a ferida, seja com medicamentos, com uma consulta ao médico ou o que mais for necessário. Quando estamos com frio procuramos com grande urgência um agasalho ou abrigo que nos aqueça. Enfim , estes exemplos são suficientes para demonstrar que quando se trata de  uma necessidade do nosso físico usamos de cuidado, rapidez, zelo, presteza, urgência, para satisfazer esta carência física.
A palavra diligência resume bem todos estes adjetivos.Ela é uma virtude , uma qualidade de quem realmente sabe o que é importante para si e não negligencia os meios para alcançá-lo.
 A questão que nos  surge é: Será que usamos a mesma DILIGÊNCIA  para cumprir a vontade de Deus expressa na Bíblia Sagrada?Será que possuímos esta virtude?
Será que temos presteza, rapidez, zelo, cuidado e urgência para cumprir os mandamentos do Senhor?
Afinal o que é mais importante,  vivermos fisicamente ( e para isso cuidamos do corpo) ou espiritualmente ( e para isso obedecemos a Deus).
Os preceitos divinos não é uma opção , é algo para ser rigorosamente observado, com toda nossa alma, todo nosso coração. Notamos que hoje em dia existe uma tendência a sermos lenientes com a desobediência, sermos flexíveis, tolerantes, relativizarmos os pontos de vista.

Nós que desejamos sermos fiéis a Cristo não podemos deixar que nossa consciência se deixe levar por estes pensamentos, temos de lutar diariamente para que a vontade perfeita de Deus se cumpra em nossas vidas. Sempre e com diligência.

Comentários

Total de visualizações