Pular para o conteúdo principal

Preste atenção no laço. Salmo 119.110

Os ímpios me armaram laço; contudo não me desviei dos teus preceitos. Salmo 119.110


O salmista está preocupado. Seus inimigos postaram uma armadilha para o derrubar, para que ele fosse pego e humilhado. 
Qual era o laço? O que lhe tentava?
Sabemos que  eles queriam que ele se desviasse dos mandamentos do Senhor logo, eles desejavam que o salmista pecasse.  Sabemos porém que ele foi fiel e não se desviou dos divinos preceitos.
Você já parou para refletir em quantos tipos de armadilhas corremos o risco de cair durante nossa jornada diária? O pecado é uma armadilha, uma tentação , e ele está pronto para derrubar o  cristão  incauto.  Seremos constantemente tentados para fazer o mal , enquanto estivermos nesta terra.
 Já parou para refletir o quanto nos é difícil escapar de  cometer qualquer tipo de pecado?

Para alguns parece bem simples escapar da mentira, da inveja, do adultério e do roubo. Mas estes mesmos podem achar bem mais complicado escapar das armadilhas da avareza, da discórdia e da fofoca, por exemplo.
Toda tentação é laço. Todo laço pode provocar uma queda e toda queda pode ser fatal. Um pecado que nos parece inofensivo pode por fim tornar-se uma tragédia irrecuperável.
Os inimigos desejam que você caia. Eles desejam que você infame o bom nome de Cristo pelo qual você toma o título de cristão.
Não nos acovardemos porém, pois os nossos adversários podem apenas tentar nos induzir ao erro, nos testar, mas jamais eles poderão nos obrigar a pecar. 
Seguir a Lei divina e obedecer à voz da consciência que nos impele a desviar do mal é sempre uma opção que nós temos. Nunca pecaremos antes de sermos lembrados pelo Espírito Santo de que nossas escolhas pecaminosas nos levarão à ruína. Há uma voz na mente do eleito do Senhor, uma voz que não cala, ela diz: 
" Olhe os laços." e "você está sendo tentado".

O Espírito de Deus grita ao nosso ouvido: 
“Olhe rapaz, perceba o laço na sua frente!”

Cada um de nós deve cuidar muito com seus desejos e cobiças, pois o pecado mora no nosso desejo, no nosso coração pecador e é preciso cuidar para que ele não tome conta de nosso ser e nossas atitudes.
É necessário pois estar sempre atento, pois  como disse Deus a Caim: 
"o pecado jaz a porta, o seu desejo será contra ti, mas a ti cumpre dominá-lo” ( Gn 4.7)

O laço do pecado é perigosíssimo, está à nossa espreita para nos derrubar. Só o temor do Senhor e o amor à Palavra podem nos salvar.
Hoje fica nosso alerta.  Preste atenção ao laço. Ele pode estar à nossa frente.




Comentários

Total de visualizações