Pular para o conteúdo principal

Metodistas

A ORIGEM DO METODISMO
Postado por EDNALDO BREVES quarta-feira, 12 de maio de 2010
As origens do Metodismo têm início com a vida de João Wesley. Ele viveu na Inglaterra no século 18 - nasceu no dia 17 de junho de 1703 na cidade de Epworth e morreu em 22 de março de 1791. Seu pai se chamava Samuel Wesley e sua mãe Suzana Wesley. Teve 18 irmãos. Em 1714, João Wesley ingressou na Escola Charterhouse. Mais tarde, chegou à tradicional Universidade de Oxford, bacharelando-se aos 20 anos e, mais tarde, colando o grau de mestre.
OxfordA tradicional Universidade de Oxford, fundada no século 18, formava um ambiente universitário 'fervilhante' por várias razões:
Era conhecida como rival de Paris como centro de estudos teológicos na Idade Média.
Lá havia ensinado Guilherme de Ocam,deixando Oxford como centro de irradiação do nominalismo, a via moderna que marcava o fim da Escolástica.
No século 14, Wicliffe disseminava na Universidade seu pensamento pré-reformista.
Foi nas cidade de Oxford que os bispos Ridley e Latimer morreram corajosamente por sua fé evangélica, em 1555.
Pela tradição familiar: foi lá que estudaram Bartolomeu Wesley, bisavô de João Wesley, seu pai Samuel e o seu irmão mais velho, Samuel Filho. Todos se preparam para o sagrado ministério teológico!
"O Clube Santo"Grupo de estudantes de Oxford mais conhecido pelo apelido de 'Clube Santo', liderado por João Wesley.Ele não inventou o nome: alunos, notando que os membros do grupo tinham horário e método para tudo que faziam, os taxaram como 'metodistas'. Wesley preferia chamá-los simplesmente de 'Metodistas de Oxford'.

John e Charles Wesley


Outros rumosApós gradua-se em Teologia, e assim pode ajudar a seu pai na direção da igreja Anglicana.Isto até os 32 anos, quando atendeu a um apelo: precisava-se de missionários na Geórgia, Nova Inglaterra. Tanto João quanto seu irmão Carlos Wesley foram para este trabalho além-mar, ficando lá quase três anos. Foi uma má experiência. João estava ainda espiritualmente 'frio'.
A data máxima da experiência de João Wesley deu-se em 24 de maio de 1738. Ele registrou tudo detalhadamente em seu diário. Numa rua de Londres, chamada Aldersgate, um dirigente lia explicações de Lutero na carta aos Romanos. Enquanto ouvia, Wesley conta que 'sentiu seu coração estranhamente aquecido' e ele passou a crer em Jesus como seu Salvador! Isto transformou a vida de João Wesley, que começou a pregar A SALVAÇÃO PELA FÉ EM CRISTO.
Abaixo a transcrição do seu diário onde narra esta experiência: "Cerca das nove menos um quarto, enquanto ouvia a descrição que Lutero fazia sobre a mudança de Deus opera no coração através da fé em Cristo, senti que meu coração ardia de maneira estranha.Senti que, em verdade, eu confiava somente em Cristo para a salvação e que uma certeza me foi dada de que Ele havia tirado meus pecados, em verdade meus, e que me havia salvo da lei do pecado e da morte. Comecei a orar com todo meu poder por aqueles que, de uma maneira especial, me haviam perseguido e insultado. Então testifiquei diante de todos os presentes o que, pela primeira vez, sentia em meu coração..."
Como não havia muitas oportunidades na Igreja Anglicana, Wesley pregava aos operários em praças e salões - muito embora ele não gostasse de pregar fora da Igreja!! E tornou-se conhecidíssima esta sua frase: "o mundo é a minha paróquia".Influenciados pelos moravianos, João e seu irmão Carlos organizaram pequenas sociedades e classes dentro da Igreja da Inglaterra, liderados por leigos, com os objetivos de compartilhar, estudar a Bíblia, orar e pregar. Logo o trabalho de sociedades e classes seria difundido em vários países, especialmente nos EUA e na Inglaterra e estaria presente em centenas de sociedades, com milhares de integrantes.
Com tanto serviço, Wesley andava por toda a parte a cavalo, conquistando o apelido de 'O Cavaleiro de Deus'. Calcula-se que, em 50 anos, Wesley tenha percorrido 175 mil quilômetros e pregado 40 mil sermões, com uma média de 800 sermões por ano.A Igreja Metodista, como Igreja propriamente, organizou-se primeiro nos EUA e depois na Inglaterra (somente após a morte de Wesley no dia 22 de março de 1791).

Em 1771 a Igreja Metodista possuía 316 membros nos EUA
Em 1780 - 8.500
Em 1784 - 15.000
Em 1790 - 57.621
Em 1800 - 64.894
Em 1809 - 163.038 Além de milhares de convertidos e encaminhados para a santificação cristã, houve também obras sociais dignas de destaque, como estas:
Dinheiro aos pobres (Wesley distribuía).
Compêndio de medicina (Wesley escreveu e foi largamente difundido).
Apoio na reforma educacional.
Apoio na reforma das prisões.
Apoio na abolição da escravatura!
Atualmente, o total de membros da comunidade metodista no mundo está estimado em cerca de 26 milhões de pessoas. O maior grupo concentra-se nos Estados Unidos: a Igreja Metodista Unida neste país possui  cerca de 9 milhões de membros. cerca de 9 milhões de membros.

Fonte

metodistabrasil.blogspot.com.br

Comentários

Blog do Vitor pelo mundo- agora

Total de visualizações