Pular para o conteúdo principal

Imago Dei - Criados por Deus em Deus e para Deus


Está na moda dizermos que viemos do macaco, somos todos macacos, ou, como a teoria darwinista propõe descendemos, o homem e o macaco, de um mesmo ancestral comum.
Isso é ensinado nas escolas como se fosse uma verdade inquestionável e evidente, e que existem abundantes provas irrefutáveis para acreditar nisto. Muitos professores assumem isto sem considerar realmente alguma prova a respeito.
Isso é apenas uma teoria levantada e assumida por alguns cientistas e não comprovada pela Ciência séria. Se o Darwinismo fosse confirmado ele deixaria de ser uma teoria e passaria a ser um legado científico. Mas ele não é. Falta-me tempo e espaço para mostrar outras teoria desenvolvidas paralelamente a de Darwin. Hoje são inumeráveis os biólogos e geneticistas que discordam desta teoria .
A prova mais rotunda de que o darwinismo é falho como teoria, é o fato de nunca ter sido criada vida da não vida, ou seja a vida só é gerada a  partir de outra vida e não de um ser inanimado.Isso inviabiliza a geração espontânea, que seria a matriz para uma evolução que excluísse Deus da Criação. 

Somos a Imago Dei. Assim diz a Bíblia.

Imago Dei é uma expressão latina que significa imagem de Deus.Fomos criado a imagem e semelhança do Altíssimo.Temos em nosso ser a imagem daquele que nos formou. Isso é o que ensina a Bíblia (Gênesis 1.26). Todo cristão deveria crer nisso, católicos e protestantes deveriam saber disto. Somos criados em Deus, por Deus e para Deus.
Isso, obviamente desabona o racismo.
Chamo a atenção para a igualdade fundamental do ser que é humano: que somos todos uma natureza corrompida. Se há alguma indignidade, esta está na perfeição perdida, na corrupção da imago Dei, em ser corrompidos pelo pecado. Somos homens, semelhantes uns aos outros, devemos nos respeitar pois viemos do mesmo lugar e estamos igualmente manchados pelo pecado( Leia Romanos 3.23).
Essa mesma imago Dei que, embora corrompida, ainda permanece é que depende a dignidade humana. 
Sejamos mais semelhantes a Deus e menos racistas. O racismo é um ultraje a Perfeição de nosso Senhor Deus.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Os Pais capadócios

A região da Capadócia (também conhecida como Província da Capadócia) era localizada na área centro-oriental da Anatólia na moderna Turquia. Era um dos domínios romanos da região da Ásia Menor. Os Pais Capadócios foram três notáveis teólogos que viveram nesta região entre os concílios de Niceia (325) e o de Constantinopla (381). Sendo que suas contribuições para o Concilio constantinopolitano foram especialmente  relevantes. São eles  Basílio, Gregório de Nazianzo e Gregório de Nissa  e ficaram  conhecidos como os  Padres Capadócios.
Os três foram grandes amigos do assim chamado “Campeão da Ortodoxia” Atanásio, ou Atanásio de Alexandria , e criaram fórmulas para desenvolver a doutrina da Trindade de forma a ser aceita pela maioria dos teólogos da época. Basílio de Cesaréia e Gregório de Nissa eram irmãos, sendo que Basílio, que era seis anos mais velho, foi quem ensinou os princípios elementares da fé a seu irmão mais novo Gregório. Gregório de Nazianzo foi amigo íntimo dos dois, compartil…

“Eu te conheci no deserto, em terra muito seca.” (Oseias 13.5.)

O povo de Israel estava sofrendo sobremaneira na terra do Egito e isto já durava 400 anos. Deus  então ouviu o clamor de Israel quando o povo estava na escravidão . Moisés foi usado para libertar o povo. Israel então saiu, livre, para o deserto. Foi ao sair do Egito que eles viram o poder de Deus manifestado. Jamais um povo viu tantas manifestações grandiosas do poder do Altíssimo como Israel na Terra de Faraó. Por dez vezes o povo que os escravizara fora castigado por Deus  de maneira sobrenatural, e Israel viu tudo isso e ficou ileso. Castigos como água transformada em sangue,  plantações destruídas, primogênitos mortos. Mas Israel esteve protegido e não sofreu estas assolações. Mas não foi lá que eles  aprenderam quem era Deus. Foi  na terra seca e inabitável do deserto do Neguev, onde não havia água nem comida e o sol era ardente, que a nação escolhida conheceu ao Senhor. Hoje também, Jesus nos resgatou da maldição do pecado e nos colocou no caminho da vida eterna. Estamos livres e se…

Filipe o Evangelista - Vivendo na Dinâmica do Espírito

Filipe Diácono e Evangelista Filipe foi um evangelista, foi  um dos primeiros seguidores de Jesus e  um dos Setenta Discípulos (Lucas 10) . Junto com Estêvão, era um dos sete “homens acreditados, cheios de espírito e de sabedoria” , escolhidos para a distribuição de alimentos entre as viúvas cristãs em Jerusalém (Atos 6:1-6).  Filipe foi a Samaria; proclamou ali o evangelho, realizou milagres,  e como resultado muitos aceitaram a mensagem e foram batizados ( veja Atos 8.4-13). Logo depois batizou um eunuco da Etiópia e foi "arrebatado" até Asdode, de onde seguiu pregando até Cesareia. Anos mais tarde, morou em Cesareia, onde pregava com suas quatro filhas. Por volta do ano 56d.C. foi visitado por Paulo e Lucas que ficaram por um tempo em sua casa.  A tradição diz que ele residiu em Trales se tornando bispo da Igreja local.  Vamos a o relato mais significativo da vida de Filipe. A história de Filipe e o Etíope.

Atos 8.26-40
26 -  Mas um anjo do Senhor falou a Filipe, dizendo: Lev…