Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio 5, 2013

A Bíblia e sua confiabilidade - Parte 2 -

Uma  preocupação de pessoas que resistem à idéia de que a Bíblia precisa ser interpretada é a de que o processo de interpretação da Bíblia poderia dar margem a idéias humanas. Há motivos para esta preocupação. Quem conhece um pouco da história sabe que várias vezes a Palavra de Deus foi manipulada para apoiar as mais diversas vontades humanas. Desde as cruzadas da época medieval, passando pelas interpretações equivocadas daqueles que apoiavam a escravidão baseando-se em textos bíblicos, e chegando até os dias de hoje, com seitas que enganam e acabam até levando à morte seus fiéis, temos razão em nos preocupar com a deturpação da Palavra de Deus. Nos tempos modernos em que a ciência está bem avançada, os céticos  multiplicam às criticas à inerrância da Bíblia.A Igreja portanto precisa estar bem fundamentada para saber se posicionar e defender a sua fonte de fé. No século passado destacam-se duas conferências eclesiásticas que reafirmaram a posição central das Sagradas Escrituras no…

A Bíblia e sua confiabilidade - parte 1

A Palavra de Deus — a Bíblia Sagrada — é o Livro especial de Deus  é um  Livro sobrenatural. Foi escrita por muitas pessoas diferentes, as quais escreveram através da inspiração do Espírito Santo de Deus. A Bíblia é o Livro mais vendido do mundo. A Bíblia já foi traduzida mais do que qualquer outro livro. Foi originariamente escrita em três línguas — Hebraico, Aramaico e Grego. Foi escrita por mais de 40 autores. Passaram em média 1600 anos para que fosse completo seu cânon(explicar rapidamente).A Bíblia é também um dos livros mais antigos do mundo. Os trechos mais antigos da Bíblia remontam a quase 4.000 anos.

Mas de onde vem a segurança que os cristãos possuem que a Bíblia não foi manipulada ou alterada segundo ideais humanos?
Ou, como sabemos da antiguidade da Bíblia?
A Bíblia esta completa?
Quem disse que a Bíblia é, realmente a Palavra de Deus.
São estas perguntas que eu desejo responder no meu artigo.